quarta-feira, 11 de agosto de 2010

Skins: The Novel


O que posso dizer? No Verão tenho sempre tendência para leituras mais leves, que de certa forma, me descontraíam, e sem dúvida que Skins se enquadra perfeitamente nesta categoria.

Inspirado numa das mais célebres séries de culto da E4, Skins: The Novel, faz a ligação entre a temporada três e a temporada quatro, tempo correspondente às férias de Verão dos protagonistas.

O enredo foca-se na vida de nove adolescentes que todos os dias lutam contra os seus próprios medos e incertezas na louca e conturbada cidade de Bristol.

A enigmática Effy parte para Veneza com a mãe, numa tentativa de deixar todos os seus problemas em Inglaterra e reflectir sobre quem realmente quer deixar amá-la.
As gémeas Emily e Katie, mais distantes que nunca, vão com a família passar férias a França, mas Emily mal pode aguentar as saudades da namorada, Naomi e as tentativas para chamar a atenção da irmã.
Freddie e Cook embarcam numa disparatada e contínua competição em que tudo vale, e JJ não se mostra muito feliz por se ver posto de lado. Como sempre.
Por fim, Pandora e Thomas continuam lovey dovey.

Refrescante, uma delícia de livro, e curiosamente, mais gráfico que a própria série.
No entanto Skins está longe de ser uma história cliché sobre jovens rebeldes. Ao virar de cada página entramos tão profundamente dentro da pele de cada uma das personagens, que ficamos a entender a escolha do título. Na verdade, cada capítulo está tão carregado de emoções que quase precisamos de ir ao psicólogo no final do livro.
Está longe de ser uma obra-prima, mas Ali Cronin fez sem dúvida um óptimo trabalho de adaptação ao trazer a imagem ao papel.

5 comentários:

Anónimo disse...

o livro ja foi lançado em portugal? queria le-lo :)

Arisu disse...

não, e penso que nunca será. :C
encomendei-o pelo Amazon.co.uk, e saiu-me bastante em conta até :D

Anónimo disse...

:O que pena!
bem, se calhar vou fazer mesmo isso.. encomendá-lo.. que mais se pode fazer nao é? bgd pela informaçao :b

Anónimo disse...

mas o livro que encomendaste é em portugues ou ingles?

Rui Bastos disse...

Que eu saiba, foi em inglês ;)